quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Rejeição de Temer chega a 77% dos brasileiros, presidente ilegítimo tem a pior avaliação desde a ditadura

O governo golpista do presidente Michel Temer é avaliado como o pior desde a ditadura militar o governo e a cúpula do PMDB estão envolvidos em diversas denúncias de corrupção isso leva em consideração a desaprovação de Temer que é avaliado por apenas 3% dos brasileiros que avaliam como ótimo ou bom.
 Os dados são de pesquisa da Confederação Nacional da Industria (CNI), em parceria com o IBOPE, divulgada nesta quinta-feira. 

No mesmo dia que foi divulgada a pesquisa, o índice de rejeição à Temer os que consideram o governo ruim ou péssimo foi de 77%. Para 16%, o governo é regular. 3% não souberam avaliar ou não respoderam, este é o pior desempenho na avaliação de um presidente da República desde o inicio da série histórica da pesquisa Ibope, em 1986, no governo José Sarney 

O presidente ainda é denunciado por suspeita de obstrução a justiça. Temer tem negado a prática de qualquer irregularidade. A denúncia contra o presidente ainda precisa de aval da Câmara dos Deputados para que possa tramitar no STF (Supremo Tribunal Federal)   


quarta-feira, 27 de setembro de 2017

A solução para a violência não está em colocar a juventude em presídios

A proposta que prevê a redução da maioridade penal, em tramitação na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania, é uma violência contra juventude do nosso país. 
A medida parte do equivocado pressuposto de são os jovens os principais responsáveis pela violência crescente no país. Em nome dessa visão distorcida, o projeto aposta em colocar a juventude, em especial negros, pobres e das periferias em presídios superlotados. 

''Queremos a juventude nas escolas, ocupando os espaços públicos com todas as garantias de seu desenvolvimento, reduzir a maioridade penal é simplesmente empurrar o problema pra debaixo do tapete, o que não vai resolver em nada.''

Esse projeto foi aprovado na Câmara sob o comando de Eduardo e atende os interesses de Michel Temer que reduz o investimento em educação, enquanto apoia medidas de encarceramento da juventude brasileira. 



 

sábado, 23 de setembro de 2017

O Futuro sombrio da cidade maravilhosa: Tiroteios entre policiais e criminosos semeiam caos no Rio de Janeiro.

Sexto dia de violentos confrontos no Rio de Janeiro, a cidade maravilhosa mostrando ao restante do mundo as duas faces da cidade dominada por facções criminosas, enquanto milhares de pessoas curtem os shows de grandes artistas por outro lado tiroteio entre policiais e criminosos deixando exposta a violência e a incompetência de um governo falido.

A violência no Rio já deixou 26 escolas e creches fechadas e pouco mais de 7 mil alunos sem aula, a comunidade da Rocinha, a maior do Rio de Janeiro é alvo de operações diariamente da Policia Militar desde o último domingo (17). O fracasso da política de segurança é, precisamente, o termo mais repetido por todos os Brasileiros que se pendura por décadas de falência e que foi incapaz, ao logo de toda a transição democrática, e particularmente no Rio, de garantir a segurança dos seus cidadãos deixando assim uma incerteza de uma cidade maravilhosa e um futuro sombrio aos turistas que acompanham noticiários onde pessoas de bem saem de casa sem a certeza que voltará vivo.

A guerra instaurada no Rio além de comprometer o futuro de crianças e adolescentes também privam o atendimento médico nas comunidades. A coordenadora de atendimento à saúde nas comunidades Paula Travassos informou à AB Assessoria que, atendendo ao processo de acesso seguro do protocolo internacional seguido pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio, foi necessário fechar o Centro de Atendimento Psicossocial (Caps) Maria do Socorro e a unidade de Pronto Atendimento (UPA) Rocinha e mais duas comunidades.

O FUTURO SOMBRIO AOS CARIOCAS 

Normalmente acompanhamos em noticiários fatos que fogem da normalidade na cidade onde a Rainha Elizabeth já desfilou em carro aberto pelas avenidas e túneis do Rio de Janeiro. Um feto sem antes mesmo de nascer é baleado na barriga da mãe não é só um caso de policia, é de fato a certeza que algo muito grave ocorre na segurança pública.
Na semana do dia 20 de julho publicamos aqui no blog a matéria Guilherme Anselmo (Clique no Link para ler a matéria) onde um adolescente foi morto com um tiro na cabeça no ponto de ônibus, ele estava uniformizado e a caminho da escola, a morte de uma criança dentro e no caminho da escola ou a execução de mais de 100 policiais são noticias que não cabem mais nas páginas que tratam da criminalidade do dia-dia dos Brasileiros. 

É guerra ou não é guerra?




sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Meses após mostrar dedo aos servidores públicos, deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) foi preso pela Polícia Federal e recorre ao STF implorando liberdade

Deputado Gilmar Fabris mostrando dedo para servidores públicos do estado
O deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) e seus advogados de defesa recorreu junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar revogar a prisão do parlamentar junto ao ministro Luiz Fux, o mesmo que decretou a prisão preventiva acreditando que o parlamentar estaria agindo como obstrução da investigação.
O parlamentar se entregou à PF na última sexta-feira (15) acompanhado dos seus advogados em Rondonópolis.
Ele foi alvo na última quinta-feira (14) da Operação Malebolge, aonde agentes federais cumpriram em sua residência e em seu gabinete mandados de busca e apreensão.
Na Assembleia Legislativa, o clima em relação à prisão de Fabris é considerada tensa.
Foram feitos também buscas e apreensões na casa do Prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB) que também é investigado na operação. 

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Policia Federal faz buscas e apreensão na casa do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB)

Uma operação deflagrada na última quinta-feira (14) denominada em Malebolge pela Policia Federal realizou buscas na prefeitura de Cuiabá apreendendo documentos e computadores, também esteve fazendo buscas na casa do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (PMDB). A ação foi ordenada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF) que acolheu o requerimento da Procuradoria-Geral da República.

Emanuel Pinheiro é um dos políticos que aparecem no vídeo gravado pelo ex governador de Mato Grosso Silval Barbosa (PMDB) pegando dinheiro que supostamente era de propina em uma sala do chefe de gabinete do ex governador as imagens foram veiculadas em rede nacional. 
Além de Emanuel estão na mira da operação da Policia Federal pelo menos sete deputados estaduais, cinco conselheiros do Tribunal de Contas de Mato Grosso e o ministro da Agricultura Blairo Maggi que é ex governador do estado. 

A Operação Malebolge - 12ª fase da Ararath -, que tem como objetivo cumprir mandados de busca e apreensão expedidos pelo Supremo Tribunal Federal em 64 endereços. Não há mandados de prisão.
Participam da ação 270 pessoas dentre policiais federais e membros do MPF nos seguintes municípios: Cuiabá, Rondonópolis, Primavera do Leste, Araputanga, Pontes e Lacerda, Tangará da Serra, Juara, Sorriso, Sinop, Brasília e São Paulo.

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Vereador evangélico chama Anitta de ‘vagabunda de 5ª': ‘Cantora ou garota de programa?’

O vereador da bancada evangélica do Rio de Janeiro Otoni de Paula Jr, do PSC, fez um post criticando a forma de agir da cantora Anitta. No facebook, ele escreveu um post intitulado de "Cantora ou garota de programa?". "Anita arrasta multidões de crianças para seus shows, é idolatrada pelos adolescentes de hoje, mas não tem nenhuma responsabilidade profissional com essa meninada que ela conquistou. Não estou falando de moral, mas de responsabilidade com a imagem. É lamentável ver uma cantora talentosa como Anitta se prestar a isso”. O texto já acumula mais de 500 compartilhamentos e 1.800 comentários. Há também uma retificação de Otoni, que diz ter editado a publicação: "Gostaria de pedir perdão pelo termo usado no final desse texto (já mudado por mim), publicado por minha assessoria, quando disseram que Anitta se comportava desse modo como 'vagabunda de quinta'. Esse termo foi inapropriado. O vereador afirmou que a publicação foi motivada por uma preocupação com os "valores que estamos colocando nas nossas crianças”. "A Anitta é talentosa, mas precisa ter mais responsabilidade porque vende uma imagem que as crianças compram", diz. Otoni afirma ter visto vídeos de matinês da cantora na qual crianças dançam de maneira erotizada. "Se quer fazer músicas com conotação sexual, evite que elas atinjam o público infantojuvenil . Estamos falando com crianças de forma despudorada".